O nosso guia de manutenção para a tua trotinete elétrica

Uma trotinete elétrica é como uma mota ou um carro, é necessário fazer a sua revisão e uma manutenção frequente para a manter em forma. Para uma manutenção sem dores de cabeça, segue o nosso guia :)

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

Se possuis uma trotinete elétrica, recomendamos que faças a sua manutenção e revisão regulares, para garantir a tua segurança, aumentar a sua durabilidade e limitar as reparações. Da manutenção da bateria à verificação dos travões, passando pelo controlo dos pneus, descobre todas as etapas a seguir para manter a tua trotinete em bom estado de funcionamento.

Fazer a manutenção da trotinete: 4 etapas indispensáveis

A manutenção de uma trotinete elétrica faz-se tanto quando a usas como quando a guardas. Quatro gestos essenciais permitem-te aumentar a sua durabilidade:

- a manutenção da bateria
- a preservação do motor
- a limpeza da trotinete
- a lubrificação das partes dobráveis 

Explicamos-te como o fazer! 

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

Como efetuar a manutenção da bateria de uma trotinete?

1. Efetua uma primeira carga completa
Acabaste de adquirir uma trotinete elétrica e ainda não a utilizaste? Antes de beneficiares dela, é indispensável carregar completamente a bateria uma primeira vez. O indicador verde do carregador indica-te quando estiver carregada.

2. Recarrega a bateria mesmo que não uses a trotinete
Se a trotinete passar um longo período sem ser usada, corres o risco que descarregue completamente e que não ligue. Para evitar este problema, recomendamos que carregues a bateria a cada 3/4 meses a cerca de 70%. Pensa também em recarregá-la após cada utilização, para evitar uma descarga profunda e limitar a perda de autonomia a longo prazo. O local de armazenamento da bateria é importante, opta por locais sem humidade e onde as temperaturas sejam moderadas.

3. Lembra-te de desligar o carregador
Deixar um carregador permanentemente ligado numa tomada é um mau hábito para qualquer carregador de dispositivo eletrónico, e o da tua trotinete não é exceção! Ao desligá-lo quando a bateria está carregada, poupas na fatura elétrica e aumentas a durabilidade da bateria. Recomendamos também que utilizes unicamente o carregador de origem, pois está adaptado à tensão da tua bateria.

Como preservar o motor de uma trotinete elétrica?

Está prevista chuva? É melhor encontrares outro meio de transporte e deixares a trotinete a seco. As conexões e componentes eletrónicos do motor podem ficar danificados se a água se infiltrar, causando uma avaria. O nível de estanqueidade de uma trotinete permite protegê-la dos salpicos, mas não das infiltrações de água da chuva. 

Para cuidares do motor, evita a sobrecarga de peso na trotinete elétrica, o que origina um sobreaquecimento. Encontras nas instruções as informações relativas ao peso máximo que pode suportar. Um motor cuidado é um motor em boa saúde que te levará ainda mais longe!

Como limpar a trotinete?

É indispensável fazer a limpeza da trotinete elétrica após cada saída. Antes de começares, assegura-te de que está desligada e que não está ligada ao carregador. Atenção, nunca laves uma trotinete com água, que deteriora os componentes elétricos e mecânicos. Irás precisar de:

● um pano seco
● uma escova com pelos suaves (uma escova de dentes, por exemplo).

► Faz uma primeira passagem com o pano seco em toda a trotinete.
► Insiste com a escova nas pequenas peças e nos interstícios: travões, rodas, rolamentos, grip, etc.
Se permanecer sujidade em alguns locais, humedece muito ligeiramente o pano e/ou a escova e fricciona as manchas, depois limpa bem com um pano seco.
Quando ao grip, podes também usar uma borracha de limpeza (ou grip cleaner, disponível em loja especializada) esfregando-o por cima, para descolar a poeira e terra acumulados. A limpeza do grip é particularmente importante para reencontrar uma boa aderência com o teu calçado quando rolas.
► Abre os blocos por baixo a plataforma e desempoeira o motor, a bateria e o controlador com um pano seco.

A tua trotinete está limpa! 🛴✨

Que elementos lubrificar na trotinete?

► Que elementos lubrificar na trotinete?

Termina a manutenção da tua trotinete elétrica lubrificando todas as partes dobráveis (sistema de dobragem, pegas). Para tal, recomendamos que utilizes um produto lubrificante adaptado e que pulverizes as peças em questão. De vez em quando, lembra-te também de lubrificar os rolamentos de esferas das rodas.

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

Como fazer a revisão da tua trotinete elétrica?

Como ocorre com qualquer veículo a motor, a revisão regular dos elementos da tua trotinete elétrica é um incontornável para te assegurares de que tudo funciona e que podes continuar a rolar em total tranquilidade. Os parafusos, os travões, os pneus e a iluminação requerem uma atenção particular. Para os controlares, precisarás de:

● um pano seco
● um multiferramentas para trotinete ou a tua caixa de ferramentas com chaves sextavadas e chaves de fendas.

Vamos lá então!

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

1. Inspecionar os parafusos

Ao longo da utilização, as vibrações influenciam o aperto dos pontos de fixação da tua trotinete elétrica: os parafusos, as porcas e as anilhas de aperto (pode ocorrer que estas não existam, em função do modelo). Confirma que estes elementos permanecem no sítio e reaperta-os com uma chave sextavada. Em princípio, um quarto de volta é suficiente para os ajustar.
Tem cuidado para não apertares demasiado os parafusos, corres o risco de deteriorar as cabeças e o roscado. Se ouvires um barulho anormal quando rolas, o problema poderá eventualmente ser resolvido após reapertares os parafusos.

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

2. Verificar os cabos

Controla o estado dos diferentes cabos da tua trotinete elétrica. Se um cabo estiver demasiado largo, reajusta a tensão graças ao seu dispositivo de ajuste. Se estiver danificado ou queimado, substitui-o. Confirma também que todos os cabos estão bem conectados, e volta a conectá-los se necessário.

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

3. Controlar os travões

Os travões da tua trotinete elétrica garantem a tua segurança. Em função do modelo, podem haver vários sistemas de travões na tua. A sua revisão é importante, sobretudo se tiveres constatado ruídos inabituais ou vibrações no guiador ao travar. Quando a trotinete demora cada vez mais tempo a travar, tal é também um potencial sinal de desgaste dos travões.

Reaperta regularmente os travões graças às molas da manete de travão (aquilo que usas para travar) e da pinça, se se tratar de um travão de disco (a peça localiza-se por cima do disco, na roda).

A maioria das trotinetes elétricas está equipada com um travão de disco: um disco está localizado sobre a roda e os calços roçam nesta para permitir a travagem a paragem da trotinete. Controla regularmente o desgaste dos calços dos travões e substitui-os se necessário.

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

4. Examinar os pneus

► Controla o estado dos pneus graças à profundidade das suas ranhuras. Se constatares que já não estão suficientemente profundas, os pneus estão gastos e devem ser substituídos. Um pneu demasiado liso deixa de aderir ao solo, o que é perigoso, em particular numa estrada húmida.

Existem dois tipos de pneus: os pneus maciços e os pneus insufláveis. As rodas maciças mão furam nem se esvaziam, uma vez que não contém ar no seu interior. Os pneus insufláveis possuem uma câmara de ar e estão sujeitas a furos.
► Verifica regularmente a sua pressão para evitar um desgaste prematuro, uma diminuição de velocidade e do nível de aceleração da trotinete ou um sobreaquecimento do motor.

Para controlar a pressão, ideal é utilizar um manómetro para saber se o número de bars (unidade utilizada na pressão dos pneus) em cada pneu corresponde efetivamente às recomendações indicadas nas instruções do produto ou no próprio pneu.

► Caso o pneu não tenha ar suficiente, usa uma bomba para aumentar a pressão, inserindo-a na válvula da câmara de ar. Qualquer bomba de bicicleta serve, mas é ainda melhor se possuir um manómetro que indique a pressão de ar no pneu.

Caso o pneu esteja demasiado cheio, abre a válvula da câmara de ar e usa uma chave de fendas ou uma ferramenta fina para pressionar o espigão no interior da válvula. Deixa sair ar até que a pressão de ar contida na câmara de ar esteja correta.

5. Verificar a iluminação

A presença de luzes de posição à frente e atrás é obrigatória na trotinete elétrica. A sua verificação regular garante a tua segurança e a dos demais. Para controlar as luzes da tua trotinete elétrica, recomendamos que te instales num local pouco iluminado, para te aperceberes da potência da iluminação. 

► Ativa os botões para ligar as luzes e mexe nos cabos para detetar a eventual presença de maus contactos. Se os feixes te parecerem demasiado fracos, ou se as luzes estiverem claramente danificadas, substitui-as.

O NOSSO GUIA DE MANUTENÇÃO PARA A TUA TROTINETE ELÉTRICA

Em resumo, a revisão da tua trotinete motorizada engloba 5 elementos principais: os parafusos, os cabos, os travões, os pneus e as luzes. 

Consulta todos os passos a fazer em vídeo! É por aqui ⤵️

Como fazer a manutenção da bicicleta elétrica? | Decathlon

É obrigatório fazer seguro para uma trotinete elétrica? em caso afirmativo, qual o custo?

As trotinetes elétricas pertencem à categoria dos Meios Motorizados de Transporte Pessoal (MMTP), pelo que estão sujeitas a regulamentação. Entre as obrigações, é necessário ter um seguro de responsabilidade civil para a trotinete, para cobrir os danos corporais e materiais que possas causar a terceiros (peões, ciclistas, automobilistas, etc.).

Não é obrigatório subscrever um seguro específico para trotinete elétrica, , podes simplesmente estender o teu seguro de responsabilidade civil contactando a tua seguradora. Sem seguro, se ocorrer um acidente, poderás ter de pagar os danos causados a um terceiro.

⚠️ Atenção, o teu seguro de responsabilidade civil não cobre os danos materiais, o furto ou a perda da tua trotinete elétrica. Para te proteger deste tipo de eventos, será necessário subscrever um seguro específico com garantias específicas. O custo deste tipo de seguros varia consoante a seguradora escolhida e as opções incluídas.

Paris, lyon, marseille, toulouse ou outro sítio: dirige-te a uma oficina decathlon

Se tiveres qualquer dúvida quanto à revisão da tua duas-rodas ou se preferes confiar diretamente a tarefa a profissionais, irás encontrar lojas especializadas que efetuam a revisão e a manutenção da tua trotinete elétrica. Não hesites em dirigir-te à oficina de uma loja DECATHLON para a manutenção e a reparação da tua duas-rodas.

+ conselhos de manutenção trotinete